Domingo, 09 ago 2020
Ligas
+ Filiados
2ªDIV
A3
A2
A1

Santo André
Sidney Gerson Riquetto
Presidente
Esporte Clube Santo André
História

Considerado um dos municípios mais desenvolvidos do estado de São Paulo, a cidade de Santo André era conhecida pela força do seu futebol amador, mas sentia a falta de uma equipe profissional que pudesse representá-la. Assim, em 1967, Wigand Rodrigues, na época presidente da Liga Santoandreense de Futebol, propôs a criação de um time profissional. No dia 18 de setembro do mesmo ano, em uma assembléia realizada no Tiro de Guerra, foi fundado o Santo André Futebol Clube, que nasceu com a missão de colocar o nome da cidade do ABC Paulista no cenário do futebol estadual e nacional.


Mas a filiação oficial do clube à Federação Paulista de Futebol aconteceu somente no dia 20 de janeiro de 1968, no Paço Municipal de Santo André. Em 22 de março de 1975, o Santo André Futebol Clube passou a se chamar definitivamente Esporte Clube Santo André. Foram trocadas também as cores do uniforme, e o verde e amarelo deu lugar ao azul e branco.


O primeiro grande momento da história do Santo André ocorreu em 1975, quando o clube conquistou o título do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, sem no entanto conseguir o acesso à Série A3. O feito se repetiu em 1981, quando além do título, o Santo André conquistou seu primeiro acesso. Já em 1984, o clube se destacou no cenário nacional. Neste ano, o Ramalhão, como ficou conhecido, conseguiu o direito de disputar pela primeira vez a primeira divisão do Campeonato Brasileiro, terminando a competição na décima colocação.


A partir de 2003, o clube viveu momentos dourados. Logo em janeiro, o Santo André conquistou o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior e, no mesmo ano, ficou na segunda posição do Campeonato Brasileiro da Série C, garantindo uma vaga para a Série B de 2004. No final da temporada, o Santo André conquistou ainda o título da Copa Estado de São Paulo – hoje chamada de Copa Paulista de Futebol –, garantindo presença também na Copa do Brasil, da qual foi campeão. Para a conquista do título mais importante de sua história, o Santo André venceu o Flamengo (RJ) na final, por 2 a 0, em pleno estádio do Maracanã.


Em 2008, a torcida do clube do ABC teve mais dois motivos para comemorar. Além de Campeão Paulista da Série A2, o clube sagrou-se vice-campeão do Campeonato Brasileiro da Série B, conquistando assim o acesso à elite estadual e nacional em 2009.


No ano seguinte, o Santo André terminaria na 18° colocação da Série A do Campeonato Brasileiro, retornando para a Série B. Mas na Série A1 do Campeonato Paulista de 2010, o clube do Grande ABC chegaria pela primeira vez a uma final desta competição, após se classificar na segunda colocação na primeira fase e eliminar o Grêmio Prudente na semifinal.


A equipe andreense perdeu o título depois de duas partidas emocionantes contra o Santos, terminadas em 3 a 2, com uma vitória para cada lado. O time santista levantou o troféu devido à campanha realizada no primeiro turno, quando terminou na primeira colocação.

 

Ainda em 2010, a equipe do ABC paulista também disputou a Série B do Campeonato Brasileiro. O time não desempenhou boa campanha, terminou a competição em 18º lugar e caiu para a Série C do torneio nacional.

 

Em 2011, o então finalista da temporada anterior decepcionou sua torcida e terminou o Campeonato Paulista na última colocação e foi rebaixado. Na Série C do Campeonato Brasileiro, fez uma má campanha e não conseguiu se classificar.

 

A temporada de 2012 também não foi boa para o clube do ABC. Na Série A2 a equipe só se livrou do rebaixamento na última rodada. No nacional, não conseguiu, e acabou rebaixado para a Série D do Campeonato Brasileiro.

 

Com uma campanha apenas mediana na Série A2 2013, o time não conseguiu a classificação para a próxima fase e segue no segundo escalão do futebol paulista.

Ficha Técnica
Santo André
Endereço
Rua dos Ramalhões, 126 - CEP 09290-620 Telefone: 11 2125 6200
WEb site oficial
www.ecsantoandre.com.br
Fundação
18/09/1967
Estádio Mandante
Brunão
Santo André
Mascote

São poucos os clubes do Brasil que não adotam um bicho como mascote e o Santo André é uma dessas exceções. Para homenagear o patrono da cidade, o clube adotou a imagem de João Ramalho, um português que viveu entre os índios antes mesmo das expedições colonizadoras que fundaram São Paulo.

 

João Ramalho foi nomeado capitão da Vila de Santo André, por Tomé de Souza, o primeiro Governador Geral do Brasil.